quinta-feira, 13 de junho de 2024

13 SENTIMENTOS – mais do que a vontade de pegação | CRÍTICA



Lembro bem das reações mistas que Hoje Eu Quero Voltar Sozinho teve em sua estreia, ainda que, quando finalmente pude conferir o longa de estreia de Daniel Ribeiro, não compreendi as tantas queixas que meus colegas de crítica queriam apontar no filme cujo êxito de público (a ponto de ser lançado até em Blu-ray) se dava pelo bom retrato de uma nova geração LGBTQIA+ alheia às preconizações no passado do Cinema Brasileiro. É também um fato quase que inaceitável que o cineasta tenha levado uma década para projetar seu segundo longa-metragem (tivemos uma pandemia no caminho, claro), mas há algo de muito bom neste 13 Sentimentos que o faz síncrono para uma geração adulta… e um espelho do que é tentar vingar como cineasta neste país.


terça-feira, 28 de maio de 2024

domingo, 26 de maio de 2024

IMACULADA – a religião permite? | CRÍTICA


A tradição do cinema de horror calcado nos dogmas da Igreja Católica há muito nos rendeu filmaços e fiascos (isso sendo gentil) que causaram mais por suas polêmicas envolvendo censuras e demais reprimendas ao menor sinal de conteúdo considerado blasfêmico. É de se imaginar, portanto, como este Imaculada seria recebido à época de O Exorcista e A Profecia logo quando o seu tema vem a ser tão sórdido para a moral católica em putrefação.

 

quinta-feira, 23 de maio de 2024

FURIOSA: UMA SAGA MAD MAX – imperativo de uma lenda | CRÍTICA

 

Mad Max: Estrada da Fúria foi um evento cinematográfico tão inesperado, tão emblemático e tão poderoso que, por vezes ao longo desses anos todos, me peguei imaginando como poderia ser uma possível continuação do épico heavy metal que George Miller entregou em 2015 repaginando a sua criação que lhe trouxe prestígio mundial. Mesmo com todas as menções a lugares não vistos em cena, além de saber que o cineasta tinha uma história sobre Furiosa em mãos já naquela época, paciência era o que restava para todos que reprisaram Fury Road nestes nove anos – e, olha, como a espera por Furiosa: Uma Saga Mad Max valeu a pena!


quinta-feira, 16 de maio de 2024

Assista ao primeiro trailer oficial de WICKED, com Ariana Grande

Ariana Grande e Cynthia Erivo em WICKED


Na última quarta-feira (15), a Universal Pictures divulgou o primeiro trailer oficial de Wicked, longa baseado no famoso musical da Broadway, e muito aguardado pelos fãs. Dirigido por Jon M. Chu, o filme é estrelado por Ariana Grande e Cynthia Erivo, que dão vida a Glinda e Elphaba, respectivamente. O elenco também conta com figuras como Michelle Yeoh, Jonathan Bailey, Keala Settle e o ator indicado ao Tony, Ethan Slater.

A estreia será em novembro de 2024 em todo o país.

A HORA DA ESTRELA – uma adaptação emblemática, agora restaurada | Crítica

Marcélia Cartaxo como Macabéa em A HORA DA ESTRELA


Uma experiência musical em teatro adaptando uma das novelas mais célebres de Clarice Lispector me fez ter pouquíssima afinidade com A Hora da Estrela, embora era de meu conhecimento a premiada versão cinematográfica lançada em 1985 dirigida por Suzana Amaral, o que me aguçou a curiosidade em tanto ler a obra original quando apreciar o filme – muito que para saber por que toda aquela desgraceira em palco merecia os aplausos de longos minutos tipo Festival de Cannes. Agora, recebendo uma ótima restauração e regressando aos cinemas quase 4 décadas depois pelo (sempre bem-vindo) programa Sessão Vitrine Petrobras, o icônico filme mostra às novas gerações o quão inteligente nosso cinema sempre foi.