quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Divórcio | CRÍTICA

Divórcio : Foto

Em Divórcio (Pedro Amorim, 2017), Júlio (Murilo Benício) interrompe o casamento arranjado de Noeli (Camila Morgado), ele não tem muito o que oferecer além de seu amor, e ela aceita partir com ele, a despeito da benção da família. Vinte anos depois, após criarem uma bem sucedida fábrica de molho de tomate, e viverem uma vida abastada, ela se entedia e passa a observar os defeitos do marido. A gota d'água acontece quando, após pegar um malfadado atalho, o carro pifa e ele precisa voltar para casa para buscar ajuda, mas a esquece. Ela volta no dia seguinte, depois de andar quilômetros e sobreviver a uma onça e pede o divórcio. Isso leva os dois a buscarem pelos melhores advogados do ramo, que os instruem a ser inescrupulosos na partilha de bens, o que leva a uma verdadeira guerra dos sexos, escalando a níveis de ação intensa.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Tomb Raider: A Origem | Assista ao primeiro trailer


A Warner Bros. Pictures divulgou o primeiro trailer legendado e o primeiro pôster de Tomb Raider – A Origem. O trailer traz diversas cenas de ação de Lara Croft, interpretada pela atriz Alicia Vikander (A Garota Dinamarquesa, O Agente da U.N.C.L.E.).

terça-feira, 19 de setembro de 2017

American Vandal (1ª Temporada) | CRÍTICA


Vinte e sete pintos são pichados nos carros de funcionários de uma escola em Oceanside. O suspeito é o bad boy Dylan (Jimmy Tatro), um garoto bagunceiro e com uma extensa lista de detenções. Além da má fama, o crime recai sobre ele por razões maiores que meras suposições: o encrenqueiro já é conhecido por desenhar o órgão e fazer brincadeiras de conotações sexuais dentro do colégio, há uma testemunha que afirma tê-lo pego em flagrante, uma das professoras tem convicção que a ação foi uma retaliação pessoal a ela (que além do desenho na lataria, tem o pneu furado) e, para piorar, o testemunho de seus amigos é contraditório e não prova onde ele estava exatamente no momento do crime. Dylan jura não ter danificado os veículos. Apesar de tantos indícios, será que existe alguma possibilidade dele ser inocente? É o que dois alunos aspirantes a jornalistas tentam descobrir gravando American Vandal, objeto-título do novo pseudo-documentário da Netflix.


sexta-feira, 15 de setembro de 2017

O Estado das Coisas | Filme com Ben Stiller ganha trailer legendado


A Imagem Filmes divulgou esta semana o primeiro trailer oficial e legendado de O Estado das Coisas (Brad's Status), filme dirigido e roteirizado por Mike White (Escola de Rock) e que traz Ben Stiller e Michael Sheen no elenco.

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Narcos (3ª Temporada) | CRÍTICA




Quando anunciaram que Narcos continuaria mesmo com a morte de Pablo Escobar (Wagner Moura), houve logo um temor de que o show não pudesse continuar com a mesma intensidade. Polêmicas com sotaques à parte, El Patrón era o típico personagem carismático que o público amava odiar. E ainda que exista uma dúzia de críticas à série da Netflix exatamente por mostrar este lado afável, visto por muitos, inclusive pelo próprio filho de Escobar, como uma apologia ao narcotráfico, esta foi uma das sacadas dos criadores para explorar os dois pontos extremos do anti-herói e trazer um sentimento tênue à narrativa entre o fascínio e o espanto. Verdade seja dita, por mais monstruoso que o traficante tenha sido, é incontestável que seu carisma foi vital para seu imenso sucesso no ramo. Assim como mostrado ao longo das duas primeiras temporadas, Pablito era frequentemente ovacionado quanto odiado – e eliminá-lo do programa era uma investida muito mais perigosa do qualquer outra. Como prova, essa terceira temporada carece um pouco a falta de sua persona, embora tenha encontrado, neste ano, sua melhor forma.


As Duas Irenes | CRÍTICA


Essa semana chega às telonas As Duas Irenes, distribuído pela Vitrine Filmes. Bordado pelas  talentosas mãos de Fabio Meira, – arrisco – um dos maiores roteiristas brasileiros dessa nova geração, que estreia agora como diretor, o filme, rodado nas belezas do interior goiano, é um retrato do amadurecimento de uma menina, Irene (Priscila Bittencourt), que descobre que o pai, Tonico (Marco Ricca), possui outra família, de onde surge uma meia-irmã cujo nome também é Irene (Isabella Torres). “Coisa do pai”, como diz uma das mães.