sábado, 30 de setembro de 2017

mãe! | CRÍTICA


Honrosos contribuintes do perfil do cinema da primeira década do novo milênio, os filmes de Darren Aronofsky ficaram conhecidos por encaminhar seus personagens a catarses transcendentais em narrativas comumente perturbadoras, sobretudo quando as distintas obsessões retratadas acarretaram em reflexões sobre a sociedade em sua constante busca e fuga da moral. Dando continuidade ao seu estilo "cru e visceral" (tal como dito por Vincent Cassel em Cisne Negro), além de senciente de uma atualidade de extremos em quase todos os aspectos possíveis, para Aronofsky, mãe! é mais do que um retorno à escala de seus filmes menores: é também um pungente manifesto niilista abusando de signos e analogias que, embora apelem para o desconforto, surgem excepcionalmente pertinentes.


sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Manifesto | Assista ao trailer do filme com Cate Blanchett e suas 13 personagens


A Mares Filmes divulgou o trailer legendado de Manifesto, filme que conta com Cate Blanchett (trilogias O Senhor dos Anéis e O Hobbit, Blue Jasmine, CinderelaCarol) interpretando 13 personagens diferentes com trama escrita e dirigida por Julian Rosefeldt.

Após ter passado pelos festivais de Sundance, Roterdã e e Tribeca Film Festival, o filme desembarca antecipadamente no Brasil no Festival do Rio, que acontece do dia 5 a 15 de outubro de 2017.

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Kingsman: O Círculo Dourado | CRÍTICA


Lançado no início de 2015, Kingsman: Serviço Secreto prenunciava um bom ano para os filmes de ação, além de proporcionar uma exímia sequência de luta que só viria a ser pareada com uma cena do segundo episódio da primeira temporada de Demolidor. Dirigido por Matthew Vaughn, egresso dos bons e dinâmicos Kick-Ass e X-Men: Primeira Classe, o filme estrelado por um elenco britânico de ponta também trazia sua parcela de revisão do subgênero da espionagem além de sua mitologia particular com uma pegada pervertida lado a lado com uma crítica social justificando as ações do vilão de língua presa vivido por Samuel L. Jackson. Com tamanha recepção positiva do público, não há mal algum em dar continuidade às missões dos alfaiates mais preparados do momento, por mais que isso signifique rever as mesmas ideias que deram certo no longa original.


quarta-feira, 27 de setembro de 2017

LEGO NINJAGO: O Filme | CRÍTICA


Uma Aventura LEGO foi uma sagaz retomada para a Warner que, há anos sem lançar animações para cinema, encontrou no estilo enérgico dos diretores Phil Lord & Christopher Miller e na comicidade dos bons games da marca as peças que faltavam para entrar de vez nesse competitivo e tão lucrativo mercado. Nessa ode às brincadeiras sem limite de faixa etária e à cultura pop fazendo uma completa mistura de personagens de franquias diferentes num mesmo cenário, o estúdio surpreenderia mais uma vez com LEGO Batman e seu retrato debochado do personagem mais lucrativo da DC Comics, repetindo ou refinando o que funcionou muito que bem no longa de 2014. Agora, com LEGO NINJAGO: O Filme, a nova produção empenha-se na expansão de seu universo cinematográfico com novidades narrativas admiráveis, embora já não tenha a mesma divertida irreverência de seus antecessores.

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

Divórcio | CRÍTICA

Divórcio : Foto

Em Divórcio (Pedro Amorim, 2017), Júlio (Murilo Benício) interrompe o casamento arranjado de Noeli (Camila Morgado), ele não tem muito o que oferecer além de seu amor, e ela aceita partir com ele, a despeito da benção da família. Vinte anos depois, após criarem uma bem sucedida fábrica de molho de tomate, e viverem uma vida abastada, ela se entedia e passa a observar os defeitos do marido. A gota d'água acontece quando, após pegar um malfadado atalho, o carro pifa e ele precisa voltar para casa para buscar ajuda, mas a esquece. Ela volta no dia seguinte, depois de andar quilômetros e sobreviver a uma onça e pede o divórcio. Isso leva os dois a buscarem pelos melhores advogados do ramo, que os instruem a ser inescrupulosos na partilha de bens, o que leva a uma verdadeira guerra dos sexos, escalando a níveis de ação intensa.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Tomb Raider: A Origem | Assista ao primeiro trailer


A Warner Bros. Pictures divulgou o primeiro trailer legendado e o primeiro pôster de Tomb Raider – A Origem. O trailer traz diversas cenas de ação de Lara Croft, interpretada pela atriz Alicia Vikander (A Garota Dinamarquesa, O Agente da U.N.C.L.E.).

terça-feira, 19 de setembro de 2017

American Vandal (1ª Temporada) | CRÍTICA


Vinte e sete pintos são pichados nos carros de funcionários de uma escola em Oceanside. O suspeito é o bad boy Dylan (Jimmy Tatro), um garoto bagunceiro e com uma extensa lista de detenções. Além da má fama, o crime recai sobre ele por razões maiores que meras suposições: o encrenqueiro já é conhecido por desenhar o órgão e fazer brincadeiras de conotações sexuais dentro do colégio, há uma testemunha que afirma tê-lo pego em flagrante, uma das professoras tem convicção que a ação foi uma retaliação pessoal a ela (que além do desenho na lataria, tem o pneu furado) e, para piorar, o testemunho de seus amigos é contraditório e não prova onde ele estava exatamente no momento do crime. Dylan jura não ter danificado os veículos. Apesar de tantos indícios, será que existe alguma possibilidade dele ser inocente? É o que dois alunos aspirantes a jornalistas tentam descobrir gravando American Vandal, objeto-título do novo pseudo-documentário da Netflix.


sexta-feira, 15 de setembro de 2017

O Estado das Coisas | Filme com Ben Stiller ganha trailer legendado


A Imagem Filmes divulgou esta semana o primeiro trailer oficial e legendado de O Estado das Coisas (Brad's Status), filme dirigido e roteirizado por Mike White (Escola de Rock) e que traz Ben Stiller e Michael Sheen no elenco.

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Narcos (3ª Temporada) | CRÍTICA




Quando anunciaram que Narcos continuaria mesmo com a morte de Pablo Escobar (Wagner Moura), houve logo um temor de que o show não pudesse continuar com a mesma intensidade. Polêmicas com sotaques à parte, El Patrón era o típico personagem carismático que o público amava odiar. E ainda que exista uma dúzia de críticas à série da Netflix exatamente por mostrar este lado afável, visto por muitos, inclusive pelo próprio filho de Escobar, como uma apologia ao narcotráfico, esta foi uma das sacadas dos criadores para explorar os dois pontos extremos do anti-herói e trazer um sentimento tênue à narrativa entre o fascínio e o espanto. Verdade seja dita, por mais monstruoso que o traficante tenha sido, é incontestável que seu carisma foi vital para seu imenso sucesso no ramo. Assim como mostrado ao longo das duas primeiras temporadas, Pablito era frequentemente ovacionado quanto odiado – e eliminá-lo do programa era uma investida muito mais perigosa do qualquer outra. Como prova, essa terceira temporada carece um pouco a falta de sua persona, embora tenha encontrado, neste ano, sua melhor forma.


As Duas Irenes | CRÍTICA


Essa semana chega às telonas As Duas Irenes, distribuído pela Vitrine Filmes. Bordado pelas talentosas mãos de Fabio Meira, – arrisco – um dos maiores roteiristas brasileiros dessa nova geração, que estreia agora como diretor, o filme, rodado nas belezas do interior goiano, é um retrato do amadurecimento de uma menina, Irene (Priscila Bittencourt), que descobre que o pai, Tonico (Marco Ricca), possui outra família, de onde surge uma meia-irmã cujo nome também é Irene (Isabella Torres). “Coisa do pai”, como diz uma das mães.

Feito na América | CRÍTICA


Afinal, o que ou quem sustenta o narcotráfico? Enquanto uma pergunta para intrincadas teses de sociólogos ou respostas mais diretas com dedos em riste para usuários ou para o Estado, seja pela segurança ineficaz ou pela falta da legalização das substâncias, convenhamos que sempre haverá terceiros nesse meio se beneficiando das brechas do sistema e, disso, tirando vantagem ou talvez dando continuidade ao fluxo de drogas e das quantias exorbitantes de dinheiro. Considerando que o assunto está há décadas em voga nos meios audiovisuais e nas recentes temporadas de Narcos, Feito na América aposta num retrato diferenciado daquele que contribuiu para o seu país, para o seu próprio bem e também para a ascensão do Cartel de Medellín.


terça-feira, 12 de setembro de 2017

Detroit em Rebelião | Novo filme de Kathryn Bigelow ganha trailer legendado


Única diretora a ganhar o Oscar na categoria por Guerra Ao Terror, Kathryn Bigelow está de volta com Detroit em Rebelião, mostrando um dos maiores e mais intensos distúrbios na história dos Estados Unidos onde uma manifestação levou a quase destruição completa da cidade no verão de 1967.

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

It: A Coisa | CRÍTICA


Vinte e sete anos depois de sua estreia no telefilme que se tornou um cult de opiniões divididas, o tenebroso Pennywise não poderia estar em sua melhor e (ainda mais) assustadora forma no remake It: A Coisa, e isso não se deve apenas à possuída performance de Bill Skårsgard como o palhaço saltitante de olhar estrábico e dentes avantajados a ponto de dar coro à coulrofobia. Mais do que um título exclusivamente atrelado ao cinema de horror em sua clara intenção de pregar os mais variados sustos no público, a produção é um excepcional resgate de algo que Stephen King moldou tão bem em sua literatura e que há tempos não se vê nas telonas e muito menos no nosso cotidiano real: o escapismo juvenil que não só resulta nas saudosas brincadeiras de rua com os amigos, como o enfrentamento de cada medo particular pela força coletiva.


quarta-feira, 6 de setembro de 2017

O Acampamento | CRÍTICA


Um protagonista desavisado descobre um esquema criminoso e é perseguido pelo autor, culminando em consequências catastróficas que podem levar à sua sobrevivência ou não. Um enredo típico de um thriller de sobrevivência que é reeditado neste protocolar filme australiano dirigido por Damian Power.

terça-feira, 5 de setembro de 2017

Uma Mulher Fantástica | CRÍTICA


Falar de diversidade sexual no cinema se tornou uma das novas portas de entrada para cineastas estreantes que, assistidos pelas curadorias de festivais em busca de programações distintas do circuito comercial, apresentam aí retratos peculiares e introspectivos de suas personagens em uma hibridização onde a empatia reforçada pelos eventos da ficção expõe a rotina de discriminações enfrentadas diariamente pelas pessoas em questão, seja na rua, no âmbito familiar ou, para piorar, quando a religião teima em ditar sobre o corpo alheio. Necessário enquanto filme denúncia e ganhador dos prêmios do Júri Ecumênico, de Melhor Roteiro e Teddy (voltado à temática LGBT) no Festival de Berlim, Uma Mulher Fantástica demonstra que a aceitação é uma das maiores provas de amor existentes.

Boneco de Neve | Assista ao segundo trailer do suspense


A Universal acaba de divulgar, em lançamento mundial, o segundo trailer do filme Boneco de Neve (The Snowman), longa que traz Michael Fassbender como protagonista, além de J.K. Simmons e Rebecca Ferguson no elenco principal.