sábado, 6 de junho de 2015

Listão dos Trailers – Junho/2015


Cá entre nós, 2014 foi fraco pra filme. Expectativas demais, conteúdo de menos, com ressalvas para as surpresas. Este ano, há uma leva maior de títulos, mas por enquanto as grandes revelações ficaram nas séries originais da Netflix e, claro, em Mad Max: Estrada da Fúria. Pela quantidade a seguir, coisas boas (ou não) estão a caminho.

Sem delongas, vamos logo aos trailers porque o número é grande!

Puro entretenimento!



A Fox volta a investir nas adaptações literárias de John Green, e inclusive vai trazer o autor e o protagonista de Cidades de Papel, Nat Wolff, para a divulgação do filme no Brasil. Pelas imagens, uma atmosfera bem amistosa circunda a busca de Quentin (Wolff) atrás de seu grande amor, Margo (Cara Delevingne). A estreia é no dia 9 de julho.




Provavelmente o melhor programa de entretenimento assumido para as férias de julho será Pixels. Nada contra (e nada a favor de) Adam Sandler, mas ver Peter Dinklage com esse mullet já é motivo de risada. Se vai ser bom? Pelo menos é mais um filme que faz homenagem aos games que tanto gostamos.



Mais um remake disfarçado de continuação chegando. Pelo visto a Warner gostou do sucesso de A Família do Bagulho e resolveu trazer de volta as Férias Frustradas, desde já polemizando com suas cenas e linguajar nada aconselhados para uma família tradicional.




Momento "Meryl Streep no Oscar já!" - ou não.


Quem não gosta de uma balada de um(a) rockstar com problemas familiares? Da mesma roteirista de Jovens Adultos, não há nada mal em ver a Meryl cantando e ainda contracenando com sua filha. Sem previsão de lançamento no Brasil.



Uma Inglaterra de época, ou seja, drama. Sufragette toca num tema bastante polêmico: o direto ao voto para as mulheres. Aqui está um possível candidato para o Oscar 2016, assim como uma suposta indicação para Streep como Atriz Coadjuvante. O restante do elenco também é primoroso e é provável que Carey Mulligan não seja esquecida nas premiações. Sem data de lançamento por aqui ainda.



Pra assustar?

"Charlie, Charlie", a insuportável "brincadeira satânica" que viralizou nas redes sociais nas semanas anteriores tinha um motivo maior: antecipar o lançamento do novo trailer de A Forca. Utilizando o defasado recurso de found footage, pelo menos parece que vai ter uma historinha melhor que Babadook, o superestimado e hype do momento disponível na Netflix.




Com um suntuoso estilo gótico e mais uma fotografia que não passa despercebida, Guillermo del Toro volta às origens (com orçamento muito maior) e com um elenco forte. Parece que as obras sombrias do Tim Burton serão fichinha perto deste terror bastante sensual e que promete muito sangue. 

É provável que seja o novo O Fantasma da Ópera da década para fãs de gothic metal por aí.



Fassbender ostentando.

Pra que mais uma cinebiografia do falecido gênio da Apple quando documentários e até mesmo Jobs, filme estrelado por Ashton Kutcher em 2013, pareceu suficiente? Para as pessoas retratadas nesse projeto anterior, não. O título dirigido por Danny Boyle quer tocar em pontos não apresentados até então. 




Apresentado no último Festival de Cannes, o clássico shakesperiano Macbeth finalmente ganhou uma adaptação de proporção épica, com atores dignos. Essas incríveis composições em meio a cenários reais podem levar o filme às grandes premiações.




Experimentalismos estrangeiros

O diretor português Miguel Gomes gosta de criar maneirismos em suas narrativas fílmicas. Sem viajar para o deserto em tempos remotos, As Mil e Uma Noites é uma humorada fábula contemporânea sobre sua "terrinha" que também foi apresentada em Cannes mês passado.




Se faltou algum trailer que considere importante e que deveria estar na lista, avise-nos pelos comentários!

Nenhum comentário:

Postar um comentário